Como Curar o Terçol com Remédios Caseiros

O terçol se caracteriza por uma patologia que afeta as pálpebras, as quais tem a função de proteger os olhos, seja ajudando a distribuir a umidade, através das lágrimas, seja como barreira física para evitar possíveis lesões. O terçol é uma pequena infecção causada por bactérias bastante comum que também recebe o nome de hordéolo e acomete mais especificamente as glândulas sebáceas Zeiss e Mol. Nesse artigo você poderá conferir algumas dicas sobre como curar o terçol com remédios caseiros e evitar maiores complicações.

O problema pode aparecer tanto na parte interna da pálpebra quanto na externa, podendo afetar a margem palpebral ou a parte do olho que se conecta aos cílios. Dessa forma, a área infeccionada fica inchada e dolorida. Além disso, existe outra patologia quer afeta a pálpebra e que pode ser confundida com o terçol externo, que se chama calázio, porém, o seu aparecimento não é causado por uma bactéria.

Quem for acometido pelo terçol vai perceber, inicialmente, um pequeno caroço (protuberância, assemelhando-se a uma espinha), apresentando vermelhidão, calor e dor. Após três dias, em média, instala-se o quadro, porém, o mais comum é que o terçol desapareça espontaneamente.

Em casos raros, pode ocorrer do terçol evoluir para uma situação mais grave, como uma infecção em toda a região orbitária. Embora o terçol não cause danos à visão, você pode buscar ajuda médica para tratá-lo. Mesmo assim, o indivíduo com terçol pode se valer de alguns remédios caseiros e ter alguns cuidados especiais para tratar o problema e evitar que o quadro se agrave.

Remédios Caseiros para o Terçol

Uma dica para que o terçol vá embora é, com as mãos bem limpas, lavar os olhos com água quente, mas não tanto a ponto de se queimar. Para lavar, use shampoo de bebê, que é menos agressivo (na parte exterior dos olhos). Outro remédio caseiro é fazer uma compressa térmica de arroz, para tanto, é preciso colocar uma colher de arroz cru em um meia limpa e esquentar no micro-ondas por 45 segundos. Depois, deixe a compressa sobre o olho infectado por dois minutos.

O passo seguinte é esquentar no micro-ondas ou no fogão um saquinho de chá preto ou camomila por 45 minutos (o ácido tânico existente nos chás ajuda a matar a bactéria) com uma colher de água filtrada e uma colher de vinagre de maçã. Coloque esse saquinho de chá sobre o terçol por mais dois minutos. O procedimento pode ser repetido cinco vezes por dia.

Todas as receitas caseiras para tratar terçol, em geral, fazem uso do calor, pois ele ajuda a retirar o pus que se forma no local. Além disso, você não deve em hipótese alguma furar ou espremer o terçol, senão, a bactéria contida nele pode se espalhar em seu olho. Também é aconselhável não usar maquiagem no período em que estiver com o problema, nem usar lente de contato, tampouco mexer nos olhos, muito menos com as mãos sujas.

Há também a dica referente ao óleo de orégano, que funciona como um antibiótico natural sem contra indicações. Para tanto, é preciso diluir uma colher do óleo em um copo de água e tomar a mistura uma vez por dia. Uma forma tradicionalmente usada para tratar o terçol é usar um objeto de ouro, como uma aliança ou anel, esfregar em um pano ou roupa para que se aqueça e então colocar o mesmo sobre o terçol. O mesmo pode-se fazer com uma colher.

Causas do Terçol

Entre os principais motivos do surgimento do terçol está a bactéria estreptococo ou estafilococo.

Tratamentos para o Terçol

Quando o indivíduo com terçol buscar ajuda médica, é provável que seja prescrito um antibiótico, colírio e a aplicação local de calor úmido, como as compressas quentes. Já as pessoas idosas ou imunossuprimidas devem ainda realizar uma antibioticoterapia sistêmica, por via oral, por causa da alta vascularização da pálpebra, para que dessa forma, se torne mais fácil a disseminação da infecção.

Pomadas antibacterianas, como Traumeel, também podem ser prescritas, sendo que uma alternativa é a homeopatia, por meio dos remédios como Pulsatilla 5CH e Hepar sulphur 5CH. As compressas devem ser feitas com água filtrada quente (mas não a ponto de queimar), ou soro fisiológico a cada três horas, até que o terçol desapareça. Também é preciso atentar para alguns cuidados diários, como preferir o uso de xampu de pH neutro, que ajuda a desobstruir os canículos das glândulas.