Animais Ovíparos

O que são animais ovíparos? Animais ovíparos são aqueles que põem ovos para ter filhotes, eles podem ser pássaros, répteis, anfíbios, peixes, artrópodes ou mamíferos. Estima-se que existam dos milhões de animais ovíparos no reino animal.

Características dos Animais Ovíparos

A principal característica dos animais ovíparos é que o processo embrionário acontece dentro de um ovo e, por essa razão, a sua reprodução é por meio do depósito dos ovos no meio externo que, em geral, já foram fecundados. Além disso, já que está fora do corpo da mãe, o embrião cresce ao se alimentar das reservas nutritivas existentes no ovo, até a hora de eclodir.

Praticamente todas as espécies de aves e crocodilianos e algumas de peixes, lagartos e cobras contam com fecundação interna. Porém, a fecundação externa também ocorre entre os animais ovíparos, que se caracteriza pela fêmea depositar os ovos no ambiente e o macho liberar os espermatozoides em cima. Exemplos de animais que fecundam dessa forma são algumas espécies de peixes e as rãs.

Já que entre as espécies de animais ovíparos existe um número elevado de mortandade devido à forma de reprodução, pois não raramente os ovos são alvo de predadores, algumas espécies depositam vários ovos de uma só vez, como é o caso do bacalhau. No entanto, o mais comum é que eles sejam abandonando-os a própria sorte.

Enquanto isso, as tartarugas escolham lugares mais seguros para depositar os ovos e a maioria das aves, bem como alguns répteis e peixes colocam os ovos em ninhos e ficam os vigiando até nascerem. Dessa forma, existe uma relação entre cuidado e quantidade, assim, quanto maior for o acolhimento dos pais, menor é o número de ovos que a fêmea coloca.

Pássaros

passaros

Os animais ovíparos predominante são os pássaros, pois não existem animais desse grupo que se reproduzem de outra forma. A fertilização é interna e a grande maioria dos pássaros cuida de seus filhotes até que eles possam cuidar de si mesmos. No entanto, existem exceções, como é o caso do cuco, que põe seus ovos no ninho de outras espécies.

Répteis

tartaruga

Nem todos, mas grande parte dos répteis se reproduz através dos ovos. O mais comum é que eles não cuidem dos filhotes após o nascimento, já que os filhotes de cobras, por exemplo, conseguem se defender desde o nascimento. Já os crocodilos e os jacarés protegem tanto os ovos, quanto os recém-nascidos.

Anfíbios

sapo

Praticamente todos botam ovos, mas a fecundação costuma ser externa. Dessa forma, é comum os anfíbios deixarem os ovos para chocar desprotegidos, em riachos ou lagos. Algumas espécies depositam os ovos em terra e aguardam até chocarem para então transferir os filhotes para um lago seguro.

Peixes

Os peixes se reproduzem das três formas possíveis com ovos: fertilização interna, externa e fertilização interna com ovos também chocados internamente, dando à luz a filhotes.

Artrópodes

Muitos dos artrópodes se reproduzem por meio de ovos que foram fertilizados internamente, mas alguns usam a fertilização externa. Há também espécies que chocam seus ovos internamente e carregam os filhotes nas costas, como os escorpiões.

Mamíferos

Nesse grupo, os animais ovíparos são exceção, já que a maioria dá à luz ao seu filhote. O ornitorrinco, que habita a Austrália, e a equidna, que também é da Austrália e da Nova Guiné, são essas exceções.

Exemplos de Animais

Confira alguns exemplos de animais ovíparos dos diferentes grupos de animais:

  • Peixes: caracu, beta, tilápia.
  • Aves: todas elas, com a galinha, o pavão, o canário, etc.
  • Insetos: barata, formiga, gafanhoto.
  • Mamíferos: equidna, ornitorrinco.
  • Répteis: jacaré, crocodilo, cobra, tartaruga marinha.
  • Anfíbios: sapo, rã.
  • Aracnídeos: aranhas.
  • Moluscos: polvo, caracol, lesma.

Curiosidades sobre os Animais Ovíparos

Pelos exemplos de animais, pode-se observar que mesmo sem serem aquáticos, todos os ovíparos possuem como semelhança alguma relação com o meio aquático. É o caso do ornitorrinco que, embora seja um mamífero semiaquático, que se caracteriza pelas fêmeas terem mamas e produzirem leite para alimentar os seus filhotes, nascem de ovos.

Há também outra classificação, a de ovovivíparos, que são os animais que realizam o desenvolvimento embrionário com ovos dentro das fêmeas. Assim, o embrião não se alimenta apenas dos nutrientes do ovo, como também do que recebe de sua mãe. A reprodução, nesse caso, também é mais segura. Exemplos de animais ovovivíparos são escorpião, tubarão e algumas cobras.