Sintomas da Leucemia – Tipos de Leucemia e Sintomática

A Leucemia é um tipo de câncer que ataca o sangue, mais precisamente a medula óssea, que produz as células do sangue. No Brasil, foi estimado que em 2012 em torno de 4.500 homens e 4.000 mulheres estavam afetados pela doença. Em 2010, a Leucemia fez cerca de 6.000 vítimas, sendo que, em 2008, havia aproximadamente 350 mil casos em todo o mundo, segundo dados do INCA – Instituto Nacional do Câncer.

leucemia

Assim como em outros tipos de câncer, a Leucemia se caracteriza pela proliferação anormal de células, nesse caso, na medula óssea. Com isso, a produção de células normais pode ser suprimida. Além disso, a doença pode se manifestar de formas diferentes, confira quais são elas e os principais sintomas.

Sintomas da Leucemia Mieloide Crônica

A maior ocorrência da Leucemia mielóide crônica – LMC é registrada em adultos entre os 40 e 50 anos. No entanto, pode afeitar os jovens também, sendo que nesses casos a Leucemia se torna mais agressiva que o normal. Também é mais comum acometer homens do que mulheres. A LMC representa de 15 a 20% dos casos de Leucemia, no ocidente.

Por ser crônica, os sintomas desse tipo de Leucemia são genéricos e podem aparecer quase que sem serem percebidos, como febre, cansaço, anemia e infecções. Quando um exame em laboratório é feito, portanto, constata-se que existe um aumento na contagem de glóbulos brancos.

A maioria dos pacientes com LMC costuma passar por uma fase mais complicada da doença, quando o seu controle é dificultado. Nessa fase, o baço pode aumentar, podendo evoluir para a chamada fase blástica ou aguda.

Em geral, os sintomas da Leucemia mieloide crônica são:

  • Emagrecimento;
  • Fraqueza e palidez;
  • Suor excessivo à noite;
  • Dor abdominal;
  • Inchaço dos gânglios linfáticos;
  • Sangramento fácil;
  • Surgimento de gota.

Um sintoma característico da fase perigosa da doença é o acometimento do sistema nervoso central, que pode resultar em papilloedema (inchaço da cabeça do nervo óptico) e hemorragia da retina.

Sintomas da Leucemia Mieloide Aguda

A Leucemia mieloide aguda – LMA se desenvolve rapidamente, tanto em crianças como em adultos, apresentando os seguintes sintomas:

  • Cansaço, fraqueza e palidez decorrente da anemia;
  • Infecções frequentes devido à falha na defesa do organismo;
  • Sangramentos na gengiva e/ou no nariz devido à redução de plaquetas no sangue;
  • Manchas roxas na pele;
  • Febre alta;
  • Suor noturno em excesso;
  • Dor nos ossos e nas articulações;
  • Aparecimento de ínguas (inchaço) nas axilas e pescoço;
  • Desconforto na parte superior esquerda do abdômen, por causa do comprometimento do baço;
  • Emagrecimento repentino;

Em casos mais graves, quando afeta o sistema nervoso central, os sintomas podem evoluir para dor de cabeça, vômito, visão borrada, vertigens ou convulsões.

Sintomas da Leucemia Linfoide Crônica

A Leucemia linfocítica crônica – LLC, ao contrário da aguda, tem um desenvolvimento lento, sendo mais comum acometer pessoas idosas. Apresenta os seguintes sintomas:

  • Palidez, cansaço e fraqueza incomuns;
  • Infecções sérias na virilha, pele, boca e garganta;
  • Sangramento do nariz, em ferimentos e, em mulheres, menstruação excessiva;
  • Suor excessivo de noite;
  • Inchaço (ínguas) dos gânglios linfáticos de qualquer parte do corpo.

Sintomas da Leucemia Linfoide Aguda

A Leucemia linfóide aguda – LLA, também chamada de Leucemia linfoblástica aguda, é caracterizada pela produção maligna de linfócitos imaturos na medula óssea. Atinge crianças e adultos, sendo o câncer infantil mais frequente, que pode surgiu principalmente entre os dois e cinco anos. Por volta dos 60 anos, a incidência volta a aumentar.

Esse tipo de Leucemia progride muito rápido e apresenta sintomas como:

  • Fraqueza e cansaço;
  • Febre constante;
  • Infecções na boca, garganta, pele ou virilha;
  • Emagrecimento;
  • Perda de apetite;
  • Sangramentos frequentes (nariz e ferimentos);
  • Dores nos ossos e nas juntas;
  • Aumento do baço e/ou fígado, causando dor.
  • Desconforto na região torácica por causa do coração comprometido;
  • Inchaço dos gânglios linfáticos das axilas, pescoço ou região íntima.

Dor de cabeça, irritabilidade ou paralisia facial indicam que a doença está mais grave e chegou ao sistema nervoso central.

Tratamento para Leucemia

Cada tipo de Leucemia exige um tratamento diferenciado. Observar a si próprio e os entes queridos e em caso de qualquer anomalia buscar ajuda médica é uma forma de evitar que a doença se alastre.